Tribunal de Justiça da Paraíba

Presidente Cavalcanti e embaixador Pardellas abrem homenagem a Epitácio Pessoa em Umbuzeiro

 

A cidade paraibana de Umbuzeiro (9.800 habitantes) recebeu e prestou, na manhã desta sexta-feira (17), homenagens a um ilustre filho da terra: o ex-presidente Epitácio Pessoa. O evento ocorreu na Sala Paroquial de Cultura “Inah e Ivone Souto”, centro da cidade, e contou com a presença do embaixador Carlos Alberto Pessoa Pardellas, neto do homenageado e convidado do presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargador Marcos Cavalcanti, e pelo prefeito municipal, Thiago Pessoa. Na oportunidade, o embaixador Pardellas, que atualmente reside no Rio de Janeiro, foi presenteado com publicações do Poder Judiciário paraibano.

A solenidade representou a segunda etapa das comemorações pelo Sesquicentenário de nascimento do homenageado, que estão sendo realizadas pelo Tribunal de Justiça da Paraíba e Tribunal de Contas do Estado, durante todo o ano de 2015, através da Comissão de Memória e Cultura do Poder Judiciário do Estado e da Comissão de Notáveis, constituída exclusivamente para elaborar os cinco eventos comemorativos pelos 150 anos de Epitácio.

Sesquicentenario_Epitacio_Pessoa_em_Umbuzeiro_17_07_15_(421)

A programação contou com exibição de vídeo, lançamento de selo personalizado, livro em quadrinhos sobre a vida de Epitácio Pessoa e palestra proferida pelo presidente da Academia Paraibana de Letras (APL) e da Fundação Casa de José Américo, professor doutor Damião Ramos Cavalcanti, também membro da Comissão de Notáveis.

“Umbuzeirenses, todos que aqui estamos em comitiva, viemos render homenagens a esta cidade, que deu ao nosso Estado um cidadão paraibano que nos honra e nos propicia orgulho cívico”, iniciou o conferencista, que falou aos presentes sobre fatos curiosos da vida do ex-presidente, como a rebeldia escolar, o lado filósofo, a fase universitária e aspectos da vida intelectual que influenciaram toda a trajetória do homenageado. “Epitácio é antes de tudo um ético”, afirmou.

O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque, que dedicou ao ex-presidente o Ano Judiciário 2015, destacou que o fato de também ser historiador motivou às celebrações.

“Epitácio escreveu seu nome na História do Brasil, com letras lapidares. Brilhou como estadista, diplomata, escritor, jurista e em todos os aspectos da sua vida, sendo, para mim, o maior de todos os brasileiros”, defendeu.

Durante a solenidade, o gestor do Judiciário estadual entregou ao prefeito local, Thiago Pessoa Camelo, uma mensagem emitida pelo ministro do Supremo Tribunal federal (STF), Celso de Mello, parabenizando a Corte paraibana pelos eventos do Sesquicentenário.

“Nada mais justo do que as homenagens chegarem até a nossa cidade. Estamos investindo na reabertura do Museu Epitácio Pessoa, aqui em Umbuzeiro” disse o prefeito.

Também a presidente da Comissão de Memória e Cultura, desembargadora Maria de Fátima Bezerra Cavalcanti, afirmou ser Epitácio Pessoa um símbolo da memória da Paraíba e do Brasil. “Epitácio é um marco tão importante no desenvolvimento cultural, intelectual e jurídico do país, que temos dificuldade em dizer que ele faz parte do passado, porque ele continua sendo um exemplo a ser seguido, um nome a ser reverenciado”, declarou.

Os versos do repentista Oliveira de Panelas também estiveram presentes na solenidade, junto aos desembargadores, magistrados, servidores do Judiciário, familiares do homenageado e população local, que compareceram ao evento.

Sesquicentenario_Epitacio_Pessoa_em_Umbuzeiro_17_07_15_(601)

Familiares – Em nome da família, o embaixador Carlos Alberto Pessoa Pardellas, se disse emocionado com as homenagens prestadas na terra natal de Epitácio Pessoa.

“No quesito responsabilidade, procurei imitar do meu avô o exemplo de honestidade e ética no setor público, que parece escasso hoje em dia”, disse.

Também o sobrinho-neto, professor doutor Roberto Pessoa Filho, agradeceu pelas homenagens. “Umbuzeiro está em graças. Não só pela iniciativa do Poder Judiciário, guiado pelo espírito de reconhecimento a um dos maiores juristas que o Brasil já teve. Mas porque aqui nasceram vultos que continuarão produzindo, não só para nós, mas para os jovens, os exemplos edificantes para o futuro da Paraíba”, afirmou.

Homenagens dos alunos – Alunos da rede municipal de ensino também prestaram homenagens a Epitácio Pessoa. A execução do Hino Nacional e do Hino de Umbuzeiro foi realizada por estudantes da Banda Fanfarra da Escola Maria Pessoa Cavalcanti. Já a aluna da Escola Municipal João Inácio Catu, Zilaine Andrade de Freitas, declamou um poema “Uma mente para o Mundo”, sobre o homenageado.

Uma peça teatral denominada “Epitácio: orgulho de Umbuzeiro – Exemplo para o Brasil” foi encenada por alunos da Escola municipal Maria Barbosa de Souza

Sesquicentenário – A primeira etapa do Sesquicentenário ocorreu no dia 28 de maio, no Tribunal de Justiça da Paraíba, com palestra proferida pelo historiador Humberto Mello, e visita à Cripta, localizada no Palácio da Justiça.

Após a solenidade em Umbuzeiro, os próximos três eventos estão agendados para 6 de agosto, 6 de novembro e 17 de dezembro. Os eventos serão prestigiados com a presença de dois ministros, Francisco Rezeck e Herman Benjamin.

Por Gabriela Parente

 

Deprecated: Function create_function() is deprecated in /apps/prod/memorialvirtual/memorialvirtual-2.1.2/wp-content/plugins/simple-lightbox/controller.php on line 1642